quinta-feira, 7 de junho de 2007

Pra que?

Do que adianta ver?
Se não posso olhar para você com gostaria
Do que adiantar respirar?
Se não posso sentir o teu perfume
Do que adianta ouvir?
Se a tua voz não chega até aqui
Do que adianta sentir?
Se não posso te abraçar
Do que adianta amar?
Se não posso com você
Do que adianta sofrer?
Já que você parece não ligar
Do que adianta morrer?
Se o meu coração não vai parar
Então para que viver?
Se o fim é a única coisa que tenho certeza
E para ele caminho já sem esperança
Nem no amanhã e nem na mudança
Nem na vida nem na morte
Pois me falta um pouco de sorte
Sorte de não ter ganho seu coração quando pude

3 comentários:

°Nathália° disse...

Ai ai ai

Me dói tanto saber que você tá assim...

Eu amo você, mocinho! Vê se resolve logo sua vida, não pode ficar assim... não pode!

Beijos!

Talita Oliveira disse...

Nossa,tu escreve tão bonito..pena q seja p/ expressar sentimentos tão tristes.Dá a volta por cima guri.Tenta conversar com esta guria.Se tu não desabafar,ela tb não vai adivinhar.E tu tb vai tirar um peso de dentro de ti...
Te adoro guri!Conta sempre comigo!

Raíssa disse...

Vo te falar hein...
¬¬
mt sem noção o q eu li agora do coment
=X

desculpa ae...
Mas olha deixa eu te falar...
VOCE PODE FAZER TUDO O Q VC DISSE NO POEMA...baasta apenas tentar e lembrar q a esperança eh a ultima q morre, tire por mim... vc viu, e compartilhou cmg momentos parecidos... e viu até aonde eu fui, cheguei pelo o q eu sentia... naum deu certo... mas pior seria se tivesse ficado na minha, na anguústia ate hj!

EH ISSO...ATITUDE MO VEI!
adoro tu rick

mt mt mt mesmo!